Diferença entre : Escova Progressiva, Escova Definitiva, Selagem/Selante e Relaxamento



Na verdade não há diferença alguma. Em todos os processos você vai ter que retocar a raiz e todos eles alisam do mesmo modo. O problema é a quantidade de formol ou amônia que os produtos trazem e os cuidados que você tem que ter com o cabelo. Todos os dados a baixo são pesquisados e também colhidos por experiencia própria, nasci com o cabelo ruim mesmo, daqueles que quem lembra sabe o quanto era horrível, crespo demais e super armado. Comecei fazendo selagem com formol, durava cerca de dois meses, mas como todos sabem o formol prejudica não só o cabelo, como a respiração e eu passava muito mal. Optei pelo relaxamento, ele não alisa tanto quanto a selagem, mas dura mais e não agride tanto, por que nele usa a amônia. Mas vamos falar ao pé da letra:

Escova Progressiva

O produto usado é à base de formol, queratina, silicone e proteína. Dá um efeito menos chapado do que a definitiva, doma o volume e solta os cachos dos cabelos mais rebeldes. Dura cerca de três meses. contém formol, que, mesmo na dosagem permitida de 0,02%, pode quebrar os fios e até causar problemas no couro cabeludo (a maioria das cabeleireiras colocam mais formol, por isso arde os olhos e tem um cheiro forte). Ela age na parte de fora do fio, ou seja, não modifica a sua estrutura, apenas forma uma cápsula em volta dele. Assim, força o formato liso e camufla o enrolado. Primeiro, o cabeleireiro lava os fios com xampu de limpeza profunda. Depois, ele divide o cabelo em várias mechas finas. Com um pincel próprio, ele aplica o produto (uma mistura de queratina e formol) ao longo de todo o comprimento. É importante que o cabeleireiro evite o contato da substância com o couro cabeludo – fique ligada nesse detalhe. Após 30 minutos, começa o puxa-puxa da escova. Ela é responsável pela penetração do produto nos fios. Em seguida, cada mecha recebe a chapinha. Se quiser, pode pular essa etapa e deixar o liso mais natural e menos chapado. Depois, o cabelo é lavado e seco.A escova Progressiva deixa o cabelo liso e sem volume, mas solto, com aspecto bastante natural. O efeito liso diminui com o tempo e você terá que fazer a escova de novo depois de 60 dias (isso varia do tipo de cabelo, tem gente que refaz o processo de 4 em 4 meses, outras de 1 em 1 mes). Fazer a progressiva em intervalos menores que esse pode causar oleosidade e até a quebra dos fios. Existem muitas opções de marcas de produtos e preços entre R$ 150 e R$ 400, em média.

Escova Definitiva 

Dá um efeito liso, chapado e dura bastante. À base de tioglicolato de amônia, alisa de uma só vez cabelos ondulados, enrolados e com volume. E só sai conforme o cabelo vai crescendo. Não indicada para cabelo muito crespo, pois pode dar o efeito de ondas artificiais. Além de não ter formol, as cutículas dos fios são abertas e podem receber substâncias que tratam as fibras, deixando o cabelo hidratado. Os ativos abrem as cutículas dos fios e penetram na fibra capilar, modificando a estrutura de dentro para fora. Isso deixa o fio liso para sempre. Primeiro, divide-se o cabelo em mechas finas e aplica-se o produto com um pincel, a partir de um dedo de distância da raiz (para que esse alisamento não altere o caimento dos fios). Primeiro o produto age próximo à raiz por 20 minutos e só depois no comprimento, por mais 20. Aí, o cabeleireiro retira o excesso só com água e, então, faz escova e chapinha, que vão alterar definitivamente a estrutura do cabelo. Depois, aplica-se um produto neutralizante por 15 minutos. Ele forma um filme impermeável ao redor do fio, que faz o efeito liso durar meses. Para terminar, o cabelo é lavado com xampu e condicionador e escovado. Conhecida também como escova japonesa, pode deixar os fios lisos demais, com o aspecto artificial. Dura em média 6 meses. Como a parte alisada não volta à forma anterior, os retoques na raiz devem ser feitos apenas depois de três meses. Assim como a duração, o preço é maior! Esse tipo de escova custa de R$ 400 a R$ 1,5 mil. Para retocar, você vai desembolsar de R$ 250 a R$ 600. (O processo que eu realizo no meu cabelo é igualzinho esse, mas a cabeleireira chama de relaxamento, eu pago R$ 100,00 e é exatamente assim o processo).



Selagem/Selante
O selante é o processo de tratamento para mulheres e homens que sofrem com o excesso de volume e com o frizz. É um processo que deixa os cabelos mais maleáveis e “encapa” os fios com uma película que diminui seu volume. Cabelos desidratados, arrepiados e quebradiços, descoloridos, tingidos,  grande exposição aos agentes naturais (sol, mar, vento), ar condicionado, capacete, etc, se recuperam com a selagem térmica. Normalmente, para cabelos com esse aspecto indico a selagem a cada 30 dias, por 2 vezes seguidas.  Os produtos profissionais que existem no mercado contém 0,2% de formol ou carbosisteína ou aminoácidos, agentes químicos que conservam o selante tanto na embalagem quanto nos fios.  Selante não alisa por completo, ele recupera até 99% dos danos, sendo uma excelente escolha de procedimento para manutenção dos cabelos. Por reduzir muito o frizz e alinhar os fios ele nos dá a "falsa sensação" de mais liso. O ideal é a aplicação, em  salão, de 30 em 30 dias por até 3 meses, depois você deve intercalar com hidratações profundas ou cauterizações, que contém menos agentes químicos.






Relaxamento 
O Relaxamento capilar é um tratamento para cabelos crespos ou ondulados que deixa o cabelo com cachos mais definidos, e com aspecto leve e natural, diminuindo o volume e dando mais movimento aos fios. Como todo tratamento capilar merece atenção adequada para se obter um bom resultado e durabilidade e estas são características que você encontra em todos os serviços do Studio Fernando Fernandes. Este processo é indicado para as pessoas que gostam de ter cabelos crespos, mas com volume menor, mantendo os cachos. É um tratamento personalizado, pois trabalha com o tipo de ondulação que a pessoa já tem. Confira todas as etapas do relaxamento para cabelos crespos e ondulados. Existe também o relaxamento para alisar, que é o mesmo processo da escova definitiva.




5 comentários:

  1. Eu, fazia relaxamento a base de amônia depois comecei a fazer o sente ja tem 3 meses que fiz a selante eu posso fazer a definitiva?

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a matéria e bem esclarecedora. OBRIGADA!!!

    ResponderExcluir
  3. Adorei ,mas gostaria de saber como funciona a semi definitiva com tioglicolato e progressiva no mesmo dia

    ResponderExcluir
  4. Muito Bom 👍esclareceu muitas dúvida minhas.

    ResponderExcluir
  5. Muito Bom 👍esclareceu muitas dúvida minhas.

    ResponderExcluir